Vestra Café

Artigos escritos especialmente para especialistas e apaixonados por café especiais!

O filtro Melita

Por: Anderson Gonçalves

Se eu pudesse voltar no tempo e abraçar algumas pessoas que já não estão mais presentes,  a Sra Melitta Bentz estaria na lista.

Explico o porquê.

Alemã, nascida em 1873, Melitta Bentz foi a pioneira no avanço dos cafés coados, quando em 1908, onde a única forma de coar um cafezinho era através de coadores de pano, utilizou um papel de mata borrão colocado dentro de um recipiente de latão, com um furo ao centro feito por um martelo. Iniciava ali a revolução dos métodos de preparo. Em 08 de Julho de 1908 era criada a patente do filtro de papel, pela dona de casa Alemã, que tem seu nome conhecido no mundo inteiro.

A partir de então, novas pesquisas e experimentos foram surgindo em torno de filtros de papel, e hoje temos uma diversa gama de modelos, com formatos e características diversas.

Tradicionalmente, o porta filtros Melitta é um dos mais utilizados nos lares com os chamados cafés de prateleiras, em que as moagens são bem finas. Nesse caso, o resultado quase sempre é uma bebida com amargor característico, sendo associada a um um café “forte”.Mas se utilizado café de qualidade, com uma moagem adequada, tem como característica uma bebida final equilibrada e doce.

Meus mais sinceros agradecimentos a Sra Mellita Bentz.

Leia outros posts

O Coador de Pano

Queridinho de muita gente, o coador de pano esta presente na …

Ferva a água

No mundo do café especial, existem os chamados mitos, que por …

1 comentário em “O filtro Melita”

Deixe um comentário

Rolar para cima